Naturismo, uma filosofia revolucionária

"...Em apenas dez anos, passou a haver nada menos de 380 locais do género e muitas obras faziam a apologia da nudez. Não se tratava, no entanto, apenas de uma reação espontânea a uma regra de indumentária considerada asfixiante. Não seria necessário despir-se para ganhar liberdade de movimentos. Seria sempre possível produzir vestidos, calças, casacos e roupas íntimas mais folgados...."      Ler mais: 

Mensagens populares deste blogue

Naturismo em familia

Adão conhece Eva, o Nu na TV

Comporta - Praia mista